Aprenda anatomia de cabeça e pescoço

 

 

Consagrado por muitos professores como excelente atlas de anatomia, oMcMinn Atlas Colorido de Anatomia da Cabeça e do Pescoço” é referência em fotografias da região de cabeça e pescoço na qual inclui imagens extraordinárias de dissecções, ossos, radiografias e anatomia de superfície.

 

A imagem abaixo é a vista lateral da órbita esquerda.

Na imagem, os ossos da parte anterior e superior do lado esquerdo do crânio foram removidos para expor a duramáter que recobre o hemisfério cerebral, na medida em que compõem parte das paredes superior e lateral da órbita, afim de evidenciar o bulbo do olho e as estruturas associadas in situ.

Você consegue identificar o nome de cada área marcada na imagem?

Veja as denominações:

1 – Osso frontal

2 – Sutura coronal

3 – Osso parietal

4 – Osso temporal

5 – Arco zigomático

6 – M. masseter

7 – Osso zigomático

8 – M. temporal

9 – Asa maior do osso esfenoide

10 – Parte orbital do osso frontal

11 – Dura-máter recobrindo o polo frontal do hemisfério cerebral

12 – Dura-máter recobrindo o polo temporal do hemisfério cerebral

13 – Ramo frontal da artéria meníngea média

14 – M. reto lateral

15 – Nervo supraorbital (emergindo da incisura supraorbital)

Para saber mais sobre “McMinn Atlas Colorido de Anatomia da Cabeça e do Pescoço” clique aqui.

Share on FacebookShare on LinkedInShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Vencedor da Olimpíada de Anatomia visita a Elsevier

A Elsevier realizou em novembro a 1ª Olimpíada de Anatomia Clínica, cujo objetivo foi estimular o aprendizado e a troca de conhecimentos nesta importante área da medicina. A editora possui um vasto catálogo no campo, com obras essenciais, como o livro Netter – Atlas de Anatomia Humana e o recém-lançado livro texto Netter de Anatomia Clínica, cujo conteúdo foi utilizado para a criação das questões da competição.

O vencedor Renato Colenci, da Faculdade de Medicina da UNESP em Botucatu, ganhou a participação no III Seminário de Anatomia Clínica Aplicada, em Orlando, na Flórida (EUA), oferecido pelo Institute of Applied Anatomy em parceria com o Nicholson Center Hospital.

Cada vencedor indicou um professor de anatomia responsável por sua formação e bom desempenho, que também será premiado com um leitor de livros digital. Renato Colenci sugeriu Renato Ferretti.

Professor e aluno estiveram na Elsevier para conhecer a Editora. Renato Colenci contou que foi Ferretti quem o estimulou a participar da Olimpíada. Ele está no segundo ano, faz estágio de formação em anatomia e tem a intenção de realizar a especialização em cirurgia de cabeça e pescoço.

“O evento nos Estados Unidos é uma grande oportunidade para o desenvolvimento na carreira de medicina que quero seguir”, diz Colenci. “Ganhar a Olimpíada foi uma excelente experiência. Nas últimas etapas eu percebi que podia equiparar meu conhecimento no tema ao de outros estudantes muito fortes. Além disso, a Elsevier nos deu a oportunidade de mostrar a importância desta disciplina, fundamental no currículo de medicina”.

Renato também destaca a importância da Coleção Netter de Anatomia em seu aprendizado. “Os livros Netter são sem dúvida os que mais uso, é um material de extrema qualidade. Além disso, tenho muita admiração pelo trabalho dele. Foi um grande artista, além de médico”.

O professor da UNESP de Botucatu Renato Ferretti contou que seus alunos ficaram muito estimulados em participar da Olimpíada de Anatomia da Elsevier. “Esse tipo de ação é muito importante para estimular o meio acadêmico a sair da sala de aula. Os estudantes podem testar a sua capacidade e acabam se dedicando mais. Só temos a ganhar”.

Share on FacebookShare on LinkedInShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Entenda as fases da evolução gestacional com Netter

¹O desenvolvimento pré‐natal pode ser dividido em um período de divisão celular (semana 1 e 2 após a fertilização), um período embrionário (semana 2 a 8) e um período fetal (semana 9 a 38). Nas primeiras duas semanas após a fertilização, um blastocisto se desenvolve e aprofunda‐se no revestimento da mucosa do útero durante a implantação. Ele consiste em um disco embrionário de duas camadas de células e três membranas que são externas a ele (trofoblasto/córion, âmnio e saco vitelino). A maioria dos sistemas orgânicos se desenvolve no período embrionário principal até a semana 8 e o embrião assume uma aparência humana. O período fetal ocupa os últimos sete meses. É um período de crescimento e elaboração de órgãos que já estão presentes. Três categorias de genes (maternos, de segmentação e homeóticos) estabelecem padrões e destinos do tecido no embrião, e interações dinâmicas entre as células caracterizam a diferenciação e o desenvolvimento de órgãos. O desenvolvimento anormal pode ser classificado pela causa (p. ex., genética versus ambiental), pela natureza do efeito sobre uma estrutura ou tecido, pela relação entre os defeitos e por sua gravidade.

PRIMEIRA E SEGUNDA SEMANAS

A divisão celular e a elaboração de estruturas externas ao embrião (extraembrionárias) caracterizam as primeiras duas semanas. A mórula, uma bola de células, se transforma em uma cavidade para formar um blastocisto que se desenvolve em uma placenta e membranas que circundarão o futuro embrião. O embrião é de início identificado como uma massa de células dentro do blastocisto no final da primeira semana. Ao fim de duas semanas o embrião será um disco com duas camadas celulares de espessura. O concepto (todos os produtos intraembrionários e extraembrionários de fertilização) leva mais de uma semana para a migração descendente das tubas uterinas até a cavidade uterina. Na semana 2, o blastocisto se aprofunda dentro da parede endometrial do útero (implantação).

INÍCIO DO PERÍODO EMBRIONÁRIO

O período embrionário (semana 3 a 8) começa com a gastrulação no disco bilaminar e termina com o embrião que se apresenta mais humano. O disco embrionário se dobra em um cilindro para estabelecer as características básicas do plano de corpo vertebrado e o primórdio de todo o desenvolvimento dos sistemas orgânicos. É um período muito dinâmico de diferenciação, desenvolvimento e mudança morfológica. O sistema cardiovascular é o primeiro sistema orgânico a funcionar (dia 21/22) assim que o embrião se torna muito grande para a difusão destinar as necessidades metabólicas dos tecidos embrionários.

O PERÍODO FETAL

O tema do período fetal de 7 meses é o crescimento e a elaboração de estruturas já presentes. O movimento do feto dentro do líquido amniótico é uma parte crucial do processo. O fluido é um fluido tecidual materno que cruza o córion e o âmnio. É crescentemente suplementado por urina fetal, que é mais similar ao plasma sanguíneo do que a urina porque os produtos metabólicos descartados no sangue são eliminados na placenta. O feto engole até 400 mL de líquido amniótico a cada dia durante o desenvolvimento normal das estruturas orais e faciais e propicia um ambiente favorável para o desenvolvimento do epitélio de revestimento das vias aéreas e do trato gastrointestinal. O fluido é absorvido dentro dos tecidos fetais pela última via.

 

¹Trecho retirado integralmente do livro Netter Atlas de Embriologia Humana

 

Share on FacebookShare on LinkedInShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Colorir é coisa séria

Estamos presenciando uma verdadeira febre em torno de uma atividade que é comumente desempenhada na infância, trata-se da arte de colorir. Embora muitos pensem, esse exercício não tem nada a ver com a regressão à infância, ele é uma forma de reter a atenção da pessoa, que ao se envolver em alguma atividade prazerosa produz uma quantidade significativa de endorfinas, e consequentemente, o nível de estresse diminui.    

Para maioria das pessoas algo que representa grande nível de estresse são os estudos. Principalmente, se a área estudada envolve memorizar o nome e a localização de uma quantidade impensada de vértebras, músculos e partes do corpo, que pessoas leigas no assunto nem se quer saberiam da existência. Foi pensando no aprendizado e bem estar dos alunos, que a Elsevier, muito antes dessa nova moda de livros para colorir, já apostava nessa ideia como mais uma forma de intensificar o aprendizado.

Com a segunda edição lançada no início do ano, o livro Netter para colorir é voltado o para estudantes de anatomia, que podem utilizar a obra para identificar e memorizar, de maneira interativa, artérias, veias e nervos, incluindo seus cursos e bifurcações. A ideia da publicação é oferecer uma forma criativa e agradável de aprender e, ao mesmo tempo, se divertir.

Share on FacebookShare on LinkedInShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Netter faz aniversário e ganha edição exclusiva de 25 anos

Clássico indispensável para estudantes, professores e clínicos, Atlas de Anatomia Humana chega à 6ª edição ainda mais objetivo, didático e com quase 600 ilustrações, a maioria pintada à mão por Dr. Frank Netter, além de desenhos do brasileiro Dr. Carlos A. G. Machado

Ao se dedicar às artes antes de ingressar na Escola de Medicina da Universidade de Nova York, o conhecido médico e ilustrador Frank Netter ficou conhecido por utilizar a linguagem visual para desmistificar assuntos às vezes árduos para os estudantes. Assim, seus livros tornaram-se clássicos indispensáveis para alunos, professores e clínicos, como a obra-prima Atlas de Anatomia Humana que, em 2015, completa 25 anos e ganha edição de aniversário pela Elsevier.

Esta, que também é a 6ª edição do livro, é um modelo inovador de demonstração da anatomia, que a partir de uma perspectiva clínica  facilita o aprendizado daqueles que precisam de descrição detalhada do corpo humano nas aulas da disciplina e nos laboratórios de dissecção. O vocabulário visual coerente para compreensão da anatomia, e de como ela se aplica à medicina atual, está estampado em 590 ilustrações, boa parte delas pintadas à mão pelo Dr. Netter. Na edição comemorativa dos 25 anos também é possível explorar perspectivas únicas da anatomia de difícil visualização, com novos desenhos feitos pelo ilustrador brasileiro e coeditor Dr. Carlos A. G. Machado.

As imagens trazem visões anatômicas, de conceitos à realidade, e nesta nova edição, incluem exemplos de drenagem linfática da mama, ouvido médio, curso da artéria carótida interna e face posterior do joelho, além de ilustrações adicionais sobre as artérias dos membros e novas imagens radiológicas. Ainda entre as novidades, há modernas imagens radiográficas para proporcionar a melhor visão do atual significado clínico e para que os alunos desvendem as relações anatômicas complexas.

 

Novidades dessa edição

Pela primeira vez, o Atlas de Anatomia Humana do Dr. Netter traz “Apêndices de Tabelas de Músculos” com cobertura visual, região por região, e de acesso rápido ao final de cada uma das sete seções: Cabeça e Pescoço; Dorso e Medula Espinal; Tórax; Abdome; Pelve e Períneo, Membro Superior e Membro Inferior. Todos os detalhes da obra, entre eles sua abrangente nomenclatura, foi revista, supervisionada e atualizada por especialistas em anatomia clínica e anatomia de ensino para manter a obra de acordo com a versão mais recente da terminologia anatômica do Programa Internacional Federal de Terminologia Anatômica (FIPAT) da Federação Internacional de Associações de Anatomistas (IFAA).
Os leitores contam, ainda, com conteúdo complementar online gratuito em português e atualizado no StudentConsult, com ferramentas úteis para os estudantes, como  pranchas extras, vídeos com discussões de pranchas anatômicas, testes com perguntas e respostas objetivas e anatomia seccional transversa ilustrativa.
Como parte das comemorações pelos 25 anos, em 2015 a Elsevier também lança a versão profissional do Atlas de Anatomia Humana, com capa dura e acesso ao Netter 3D, além de outros dois livros do mesmo autor: Netter Atlas para Colorir e Netter Anatomia Clínica.

 

Quem foi Netter

Frank H. Netter nasceu na Cidade de Nova York em 1906. Estudou arte na Art Students League e na National Academy of Design antes de ingressar na escola de medicina da New York University, onde graduou-se em Medicina em 1931. Durante seus anos de estudante, os esboços do caderno do Dr. Netter atraíram a atenção dos membros da faculdade de medicina e outros médicos, permitindo que ele aumentasse seus rendimentos com a ilustração de artigos e livros-textos.

 

Aproveite agora mesmo para comprar Netter Atlas de Anatomia Humana 6 ED – Edição Especial com Netter 3D: http://bit.ly/1Kdof3G

 

Folheie trechos do livro e descubra mais

Share on FacebookShare on LinkedInShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Adquira o Netter Atlas de Anatomia Humana – 6ª Edição

NETTER ATLAS DE ANATOMIA HUMANA 6EDA publicação da 6ª edição do Atlas de Anatomia Humana de Frank H. Netter celebra as bodas de prata do primeiro lançamento do Atlas, quando suas cores vibrantes e sua perspectiva clínica se tornaram um companheiro indispensável nas aulas de anatomia, nos laboratórios de dissecação e nos acervos dos profissionais clínicos, constituindo, para muitos, um legado de um dos educadores médicos mais influentes do mundo.

Anatomia continua a ser uma pedra angular da educação em saúde. Muitas vezes, é um dos primeiros tópicos ensinados nos currículos médicos ou em outras áreas da saúde. Anatomia é também centralizada na prática clínica, do exame físico e de imagem radiológica até a cirurgia e a reabilitação física. No entanto, mudanças no ensino anatômico e sua aplicação clínica, ao longo destes últimos 25 anos, têm sido significativas.

A expansão dos currículos médicos e de todas as áreas da saúde levou a uma diminuição do número de horas dedicadas ao ensino da anatomia macroscópica. Alguns cursos interromperam a dissecação do corpo inteiro. Os avanços nas tecnologias de imagem têm proporcionado uma visão cada vez mais clara da anatomia viva e os modelos de anatomia em 3D continuam a evoluir. Da mesma forma, o Atlas evoluiu.

Graças à grande orientação dos principais anatomistas clínicos e educadores especializados em anatomia, bem como as contribuições de médicos ilustradores talentosos, a 6ª edição apresenta novas ilustrações e imagens radiográficas modernas que proporcionam aos alunos uma visão do atual significado clínico e das perspectivas que esclareçam relações anatômicas complexas.

Esta edição também inclui as ilustrações das mais antigas edições do Atlas, como as representações do Dr. Netter, das variações anatômicas comuns (em edições eletrônicas e pacotes impresso-eletrônico), como um bônus de pranchas para auxiliar a fornecer uma visão mais abrangente que as horas nos laboratórios de dissecação podem não permitir. Pela primeira vez, o Atlas incorpora tabelas de músculos em apêndices de acesso-rápido ao final de cada seção para facilitar a consulta dos médicos, estudantes, educadores que disponham de pouco tempo.

Recursos eletrônicos do StudentConsult.com e NetterReference.com incluem alguns modelos em 3D extraídos do Netter’s 3D Interactive Anatomy, seleções de vídeos de dissecação do Netter’s Online Dissection Modules by UNC at Chapel Hill e outros recursos de apoio. Além disso, todo o texto ao longo do Atlasfoi meticulosamente atualizado para se manter de acordo com a versão mais recente da Terminologia Anatômica, pelo Federal International Program for Anatomical Terminology (FIPAT) of the International Federation of Associations of Anatomists (IFAA).

Compre agora mesmo a obra em nossa loja virtual: http://bit.ly/1aIBWeJ

Share on FacebookShare on LinkedInShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone