As indicações de acesso vascular em bebês e crianças

 

O dispositivo mais frequentemente utilizado para o acesso venoso em crianças é uma cânula intravenosa periférica (IVP). Embora o acesso venoso em adultos seja obtido, muitas vezes, com dificuldade mínima, a colocação de um cateter intravenoso em crianças pode ser bastante traumática para a criança, para os pais e para os profissionais de saúde envolvidos.

As circunstâncias particulares de cada criança exigem soluções específicas para o acesso vascular, isto é, a escolha do dispositivo e o local escolhido para o seu posicionamento. Os médicos devem estar cientes das limitações e potenciais efeitos adversos dos vários dispositivos de acesso vascular (DAVs) que estão disponíveis.

A tabela retirada do livro Cirurgia Pediátrica 6ª edição mostra as indicações de acesso vascular em bebês e crianças:

CVC, cateter venoso central; IO, via intraóssea; CCIP, cateter venoso central introduzido perifericamente; IVP, cateter intravenoso periférico.

Share on FacebookShare on LinkedInShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone