Toxina Botulínica em Odontologia é destaque no Notícias da Saúde

 

A obra Toxina Botulínica em Odontologia, lançamento da Elsevier, é destaque no site Notícias da Saúde.

“O livro é indicado para cirurgiões-dentistas que trabalham em diferentes especialidades, como disfunção temporomandibular, prótese, oclusão, cirurgia bucomaxilofacial, reabilitação oral, implantodontia e dor. Na obra, os autores abordam as atualizações científicas pelas quais a odontologia está passando e estimula os dentistas a conhecerem melhor a toxina botulínica de forma a aplicá-lo com segurança em sua prática clínica…”

Veja mais aqui.

Share on FacebookShare on LinkedInShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Toxina Botulínica é a novidade nos consultórios odontológicos

Método pode ajudar a melhorar a qualidade de vida de muitas pessoas

 Embora seja bastante usada na medicina, a toxina botulínica é um recurso novo na odontologia. No Brasil, o uso da substância é permitido na área para fins funcionais desde 2011, mas em setembro de 2016 o Plenário do Conselho Federal de Medicina aprovou uma resolução que autoriza a utilização também para fins estéticos.

O livro Toxina Botulínica em Odontologia, lançado pela Editora Elsevier, atualiza o profissional de odontologia sobre a legislação existente, as indicações e contraindicações, além das patologias nas quais é indicada, com seus respectivos diagnósticos, e também dos protocolos de uso.

Desta forma, os autores abordam as atualizações científicas pelas quais a odontologia está passando e estimula os dentistas a conhecerem melhor a toxina botulínica de forma a aplicá-la com segurança durante a prática clínica em diferentes especialidades.

“A obra aborda as atividades odontológicas nas quais está indicada a aplicação de toxina botulínica. Nele, de forma didática e meticulosa, explicamos desde as propriedades bioquímicas, histórico, legislação atualizada, indicações e contraindicações, cuidados e efeitos colaterais, técnicas de manipulação da toxina, até os diversos protocolos de seu uso para capacitar o cirurgião dentista nas diferentes aplicações atribuídas à odontologia”, diz Célia Marisa Rizzatti Barbosa, autora.

Share on FacebookShare on LinkedInShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone