Fique por dentro dos novos procedimentos da odontologia

 
É amplamente sabido que a saúde bucal e a saúde geral estão estritamente ligadas e que as pessoas não podem ser saudáveis se não tiverem boa saúde bucal.

Pensado para ampliar os conhecimentos da equique odontológica, a 10ª edição do livro “Fundamentos em Odontologia para TSB e ASB”, oferece habilidades necessárias para alcançar a competência em cada um dos procedimentos e técnicas que sofreram grande expansão.

A obra possui uma base sólida das habilidades básicas e avançadas que os alunos precisam dominar para desenvolver competência. Além disso, o título apresenta estilo agradável que esclarece até os conceitos e procedimentos mais complexos para ajudar na preparação para o exame de certificação do DANB (Dental Assisting National Board).

Para saber mais sobre Fundamentos em Odontologia para TSB e ASB clique aqui.

Share on FacebookShare on LinkedInShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Toxina Botulínica em Odontologia é destaque no Notícias da Saúde

 

A obra Toxina Botulínica em Odontologia, lançamento da Elsevier, é destaque no site Notícias da Saúde.

“O livro é indicado para cirurgiões-dentistas que trabalham em diferentes especialidades, como disfunção temporomandibular, prótese, oclusão, cirurgia bucomaxilofacial, reabilitação oral, implantodontia e dor. Na obra, os autores abordam as atualizações científicas pelas quais a odontologia está passando e estimula os dentistas a conhecerem melhor a toxina botulínica de forma a aplicá-lo com segurança em sua prática clínica…”

Veja mais aqui.

Share on FacebookShare on LinkedInShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Toxina Botulínica é a novidade nos consultórios odontológicos

Método pode ajudar a melhorar a qualidade de vida de muitas pessoas

 Embora seja bastante usada na medicina, a toxina botulínica é um recurso novo na odontologia. No Brasil, o uso da substância é permitido na área para fins funcionais desde 2011, mas em setembro de 2016 o Plenário do Conselho Federal de Medicina aprovou uma resolução que autoriza a utilização também para fins estéticos.

O livro Toxina Botulínica em Odontologia, lançado pela Editora Elsevier, atualiza o profissional de odontologia sobre a legislação existente, as indicações e contraindicações, além das patologias nas quais é indicada, com seus respectivos diagnósticos, e também dos protocolos de uso.

Desta forma, os autores abordam as atualizações científicas pelas quais a odontologia está passando e estimula os dentistas a conhecerem melhor a toxina botulínica de forma a aplicá-la com segurança durante a prática clínica em diferentes especialidades.

“A obra aborda as atividades odontológicas nas quais está indicada a aplicação de toxina botulínica. Nele, de forma didática e meticulosa, explicamos desde as propriedades bioquímicas, histórico, legislação atualizada, indicações e contraindicações, cuidados e efeitos colaterais, técnicas de manipulação da toxina, até os diversos protocolos de seu uso para capacitar o cirurgião dentista nas diferentes aplicações atribuídas à odontologia”, diz Célia Marisa Rizzatti Barbosa, autora.

Share on FacebookShare on LinkedInShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

A importância do exame clínico dentário no processo operatório

Essa é uma das etapas mais importantes, antes de qualquer procedimento cirúrgico, pois é através dele que o médico conhece melhor os pacientes além de poder realizar exames mais abrangentes. É por meio do exame clínico e da análise do perfil fisiológico do paciente, que o médico pode contraindicar o procedimento cirúrgico caso o paciente não se enquadre nas condições necessárias para tal.

Realizar o exame clínico é fundamental para fornecer um diagnóstico pré-cirúrgico adequado e consiste na realização de exames: clínico acurado dos dentes envolvidos, periodontal, oclusal, bem como de toda a região do hemiarco envolvido e sua relação com o hemiarco antagonista. Nesta etapa avalia-se a situação dos elementos dentais envolvidos e sua importância no planejamento global do caso. O paciente neste momento, também tem a oportunidade de conhecer melhor o médico e estabelecer uma relação de confiança com ele.

”¹O cirurgião-dentista não deve ter apenas a visão de um elemento dental isolado a ser operado, mas sim do paciente como um todo e de uma peça dental importante planejamento global do caso. Qual a verdadeira importância deste(s) dente(s)? Qual o prognóstico possível e qual a real utilização deste(s) dente(s) em uma futura reabilitação oral? Qual a possibilidade de ser suporte de uma prótese fixa extensa? Estas e outras perguntas são fundamentais para que tenhamos êxito no nosso planejamento cirúrgico.”

Feito os exames clínicos e confirmado o diagnóstico para a necessidade de tratamento endodôntico, o paciente deve ser avaliado sistemicamente na busca de alguma condição impeditiva para o início imediato da terapia. Há casos em que um comprometimento da saúde pode, muitas vezes, comprometer um tratamento aparentemente simples. Doenças como como as cardiovasculares, que são de alta prevalência na população, por exemplo, demandam maior entendimento da condição do paciente pelo cirurgião-dentista, para que não hajam complicações durante o pré ou pós-cirurgia.      

‘’²O cirurgião-dentista tem papel fundamental na salvaguarda da saúde oral dos pacientes e, consequentemente, deve estar apto a reconhecer doenças cardiovasculares e os fatores de risco associados a elas. O manejo odontológico desses pacientes implica no reconhecimento da doença, no estudo da terapia farmacológica e possíveis interações medicamentosas a que eles estão sujeitos. Estando cientes destes itens, o cirurgião-dentista pode prover a saúde bucal de seus pacientes sem prejudicar outros sistemas. Muitas vezes, o trabalho conjunto do dentista e do médico é imprescindível para a promoção da saúde do paciente como um todo.’’

DIA DO CIRURGIÃO-DENTISTA E A ODONTOLOGIA

Nesta terça-feira, 25 de outubro, é comemorado o Dia do Cirurgião-Dentista. Há quase 130 anos, a data é celebrada como o dia do profissional da Odontologia, fazendo referência ao decreto 9.311 assinado em 1884, que criou os primeiros cursos de graduação de Odontologia do Brasil, localizados no Rio de Janeiro e na Bahia. Posteriormente, uma portaria do Conselho Federal de Odontologia tornou a data oficial para a comemoração do Dia do Cirurgião-Dentista no país. Em comemoração aos profissionais da área, a Elsevier oferece desconto em quatro de suas obras do catálogo de odontologia. Aproveite, as ofertas são por tempo limitado*.

HUPP – CIRURGIA ORAL E MAXILOFACIAL CONTEMPORÂNEA 

Neville – Patologia Oral e Maxilofacial 

Endodontia – 4ª EDIÇÃO 

Netter Atlas De Cabeça E Pescoço 

*Promoção válida do dia 25/10 a 31/10, ou até durarem nossos estoques.

¹² Trechos retirados do livro Endodontia: Biologia e Técnica

Share on FacebookShare on LinkedInShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

Livro Odontologia Multidisciplinar traz casos reais em cada capítulo

A obra Odontologia Multidisciplinar – O Paciente no Centro das Atenções apresenta uma contribuição para profissionais das diferentes áreas da Odontologia, propondo um modelo de Gestão Clínica Integrada sobre a visão da qualidade de serviços de Saúde e Acreditação no campo da Odontologia.

O livro se constrói na contextualização de resolução de casos clínicos, incluindo a utilização de fotografias, planejamento e desenvolvimento executados de forma integrada. Esses casos clínicos têm como base modelos de protocolos estabelecidos para as terapêuticas aplicadas na devolução à normalidade do sistema estomatognático, com ênfase no restabelecimento da relação maxilomandibular, oclusal e funcional e, em consequência da dimensão vertical de oclusão, do binômio implante-prótese, da reabilitação estética e enxertos ósseos.

Cada capítulo é auto explicativo e aborda casos com pacientes reais, como forma de ilustrar as exemplificações. No capítulo Protocolo para Reabilitações Complexas, por exemplo, um protocolo para resolução de casos clínicos protéticos complexos é apresentado ‘’ O preparo da boca previamente à instalação dos implantes e a reabilitação estética e funcional com provisórios é fundamental para dar previsibilidade ao tratamento definitivo. A primeira etapa é a coleta de informações clínicas, radiográficas e fotográficas. A avaliação clínica deve ser focada na queixa do paciente e uma seleção de requisitos, estético e funcional, facilita a organização dos dados e planejamento. Uma abordagem e visão multidisciplinar permitem a tomada de decisões mais seguras. A segunda etapa é a reabilitação provisória que devolve a normalidade à relação maxilo/mandibular, resultando em conforto e segurança ao paciente para investir no tratamento definitivo.’’ E ao final as dificuldades e soluções encontradas no caso clínico são expostas ao leitor.

A obra tem como preocupação o paciente e a sua segurança, e apresenta os meios para o desenvolvimento dessas atividades. Escrito em uma linguagem clara e multidisciplinar, auxilia o aprendizado com assimilação de suas práticas. Odontologia Multidisciplinar – O Paciente no Centro das Atenções é uma contribuição à classe odontológica brasileira no campo da reabilitação oral e da Gestão de Qualidade.

O livro foi Coordenado por Rosely Cordon, Dalva Cruz Laganá e Newton Sesma e elaborado pela equipe multiprofissional integrante do Centro de Excelência em Prótese e Implante (CEPI) do Departamento de Prótese da Faculdade de Odontologia da Universidade de São Paulo (FOUSP).

 

 

Share on FacebookShare on LinkedInShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone

A busca pela saúde dental

A Elsevier Saúde convidou Antônio Monnerat*, autor do livro TRA – Tratamento Restaurador Atraumático, Abordagem Clínica em Saúde Pública, para falar um pouco mais sobre a dificuldade no acesso ao dentista que muitas famílias brasileiras ainda encontram. Confira o relato abaixo:

Lucas, 7 anos, filho de Jaqueline, mora com sua mãe e seus 5 irmãos em Jacarecipe, distrito de São João de Itaquara. Num dia, após voltar caminhando os 6 km que separam sua casa da escolinha, comenta com a mãe sobre um buraquinho no seu dente. Jaqueline pergunta se está doendo o menino, pouco interessado, diz que não. O Posto de  Saúde mais próximo fica a 11 km de distância, dos quais 2 devem ser percorridos a pé. O garoto não pagaria o ônibus mas ela sim. Jaqueline trabalha como diarista e levar o filho ao posto de saúde significa um dia de trabalho perdido. Mais do que isto ela sabe que o dentista precisará de mais algumas consultas e se for coerente terá que levar os outros garotos também que têm contextos odontológicos parecidos. Assim começa uma história que se repete diariamente em vários locais do Brasil.

Buscar alternativas de acesso à odontologia vem sendo um desafio do profissional de saúde pública. Unidades de saúde distantes, fila de espera, a perda do dia de trabalho e o pior, o medo do dentista são argumentos mais que suficientes para adiar a ida ao dentista até quando a dor for daquela de não mais dormir. Geralmente, dente com dor significa tratamento de canal ou necessidade de extração.

No intuito de reverter tais situações, além da ação educativa associada à instrução de higiene e ao flúor, é necessária uma intervenção precoce nas pequenas lesões cariosas. Para que isto ocorra de forma universal em um país continental como o nosso, o Tratamento Restaurador Atrumatico (TRA ou ART, a sigla em inglês) é essencial. Uma técnica que pode ser executada em escolas e centros comunitários, que é indolor, rápida, barata e com material restaurador que libera flúor pode parecer algo fácil de ser implementado, mas barreiras como organização prévia detalhada, transporte, preconceito pelos próprios profissionais costumam coloca-la em segundo plano na rotina das equipes de saúde bucal.

Com 20 capítulos, o Livro TRA – Tratamento Restaurador Atraumático, Abordagem Clínica em Saúde Pública, abrange desde a implementação da técnica passo a passo aplicada não só em ambientes não odontológicos como também em odontológicos, indicando precisamente em quais condições clínicas deve ou não ser aplicada. Anda traz toda literatura atual sobre o TRA, com um capítulo dedicado à remoção de Cárie e seus novos conceitos, detalha a organização prévia para uma ação odontológica em um ambiente desprovido de tecnologia, aborda o Cimento de Ionômero de Vidro, pacientes especiais como gestantes, cardiopatas, HIV positivos, idosos, pacientes com desvio de comportamento e com câncer. Bibliografia indispensável para alunos de graduação, especialização de odontopediatria, estomatologia, dentística, além de Técnicos e Auxiliares em Saúde Bucal (TSBs e ASBs) e para preparação para concursos públicos.

*Antônio Monnerat é professor associado da Faculdade de Odontologia UERJ, Doutor em Odontologia UFRJ, Mestre em Dentística- UERJ

Share on FacebookShare on LinkedInShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone