Pesquisa de Preferência: saber para melhorar

 

Do dia 22 de março a 5 de abril fica disponível no Facebook uma rápida pesquisa de preferência sobre os recursos digitais disponibilizados pela Elsevier.  O público alvo são os estudantes de medicina, pois através do feedback deles é possível fazer um controle de qualidade e de preferências, para a melhoraria dos serviços.

Dentre os produtos avaliados no questionário estão: ClinicalKey, Up to Date, BMJ Best Pratice, DynaMed e Evolution.  Quem participa da pesquisa concorre a um voucher oferecido pela Amazon. Serão cinco vencedores.

A mesma pesquisa foi feita em março de 2017 e, além do Brasil, participaram estudantes de países como Espanha, Alemanha e França.

Para responder ao questionário basta acessar o link abaixo https://survey.us.confirmit.com/wix/4/p3086343124.aspx?mode=fp&l=22

Clinicalkey: buscador médico inteligente

O ClinicalKey foi criado pela Elsevier, e é a maior fonte de busca clínica para atualização e prática profissional, pois oferece as mais confiáveis evidências para tomada de decisão em mais de 30 especialidades médicas e cirúrgicas. Dessa forma, pode-se afirmar que o Clinicalkey atende com rapidez e segurança a necessidade de informação clinica que médicos, bibliotecários e profissionais da saúde precisam no seu dia a dia.

Médicos e profissionais da área da saúde frequentemente recorrem a uma segunda fonte para obter resposta mais completas, porque nem todos os mecanismos convencionais de buscas clínicas são abrangentes. Geralmente eles necessitam verificar as respostas mais de uma vez, pois nem todos esses dispositivos de buscas são confiáveis. Essas buscas por respostas clínicas relevantes, confiáveis, em mecanismos de busca tradicionais, exigem maior tempo para a busca. O que acaba retardando o diagnóstico e atendimento do médico aos seus pacientes.

COMO O CLINICALKEY FUNCIONA

O Clinicalkey é um dispositivo de fácil manuseio, não sendo necessário treinamento específico para usá-lo, sua interface limpa e intuitiva torna a experiência de navegação bastante simples e objetiva. No entanto, caso surja alguma dúvida no decorrer da busca, dicas de uso e ferramentas estão disponíveis no sistema.

Ele extrai respostas da maior coleção de recursos clínicos, abrangendo todas as especialidades médicas e cirúrgicas – mais do que qualquer mecanismo convencional de pesquisa. Para reduzir o tempo de busca, as respostas clínicas fornecidas pelo Clinicalkey são extraídas de apenas uma fonte on-line, cujas buscas são direcionadas por ordem de relevância. Além de ser intuitivo, pois foi projetado para se alinhar ao fluxo de trabalho dos médicos e profissionais da área da saúde, disponibilizando respostas mais relevantes  de acordo com o perfil de cada usuário.

Os usuários têm a opção de personalizar o ClinicalKey para que sempre atenda às suas necessidades específicas: ferramentas pessoais para acesso rápido às informações de que precisam, salvar as pesquisas e voltar a elas mais tarde, configurar alertas personalizados para ser notificado quando houver nova informação disponível, tudo isso para economizar tempo e fornecer diagnósticos mais precisos.

Segundo pesquisa, engravidar tem efeito rejuvenescedor para a mãe

Mamães de plantão já podem começar a comemorar, estudos recentes revelam que: engravidar rejuvenesce. Segundo pesquisa realizada pela Universidade Hebraica de Jerusalém e divulgada na revista “Fertility and Sterility“, publicada pela Elsevier, a gravidez pode ter ‘’efeito rejuvenescedor’’

De acordo com os cientistas, quanto mais as pessoas envelhecem, mais difícil fica para o corpo regenerar os tecidos danificados – porém, na gravidez, a troca de sangue entre a mãe e o bebê faz com que essa reparação seja mais eficiente.

Foi feito um estudo, a partir de exames de ressonância magnética que mostraram o processo de regeneração hepática, em camundongos, grávidas e não grávidas, que passaram pelo processo de transplante parcial de fígado. O levantamento permitiu observar que camundongos jovens recuperaram 82% do tecido do fígado em dois dias, enquanto ratos mais velhos só regeneraram 46% no mesmo tempo. Mas ao observar a recuperação das camundongos mais velhas, que estavam grávidas, o resultado foi surpreendente,  pois a regeneração do tecido do fígado foi de 96%, mais do que o dobro da taxa normal.

Por se tratar de um modelo biológico único de um sistema sanguíneo parcialmente compartilhado, especula-se que a gravidez teria também efeito rejuvenescedor sobre a mãe.

Pesquisas feitas anteriormente pela mesma equipe já indicaram que a gravidez pode ajudar na reparação de músculos, com este efeito se estendendo por cerca de dois meses depois que o bebê nasce.

 

Estudantes de medicina têm maior risco de apresentar baixa massa óssea.

Esta é uma das conclusões do estudo realizado na Universidade Regional de Blumenau (FURB) por Cristina Reuter, acadêmica do curso de Medicina , Carlos Efrain Stein, mestre em Ciências da Computação e Professor Titular do Departamento de Matemática e Deisi Maria Vargas, Doutora em Medicina e Cirurgia (Pediatria) e Professora Titular do Departamento de Medicina.  O estudo publicado na edição de maio/junho, volume 58, número 3 da Revista da Associação Médica Brasileira (RAMB) contou com a participação de 85 estudantes dos cursos de Medicina e Educação Física e foi realizado com o objetivo de comparar a densidade mineral óssea (DMO) e a composição corporal (CC) de universitários com diferentes estilos de vida. A coleta de dados foi realizada em 2008 e 2009 em clínica de densitometria óssea. A Revista da Associação Médica Brasileira (RAMB) é publicada pela Elsevier no Brasil e tem por objetivo divulgar artigos que contribuam para o conhecimento médico.

A Elsevier é líder mundial em publicação de periódicos, com mais de 2.500 títulos, revisados por pares, em todas as áreas de conhecimento. Em seus 430 anos de existência, tem em sua historia marcos como a publicação de originais de Galileu Galilei, Erasmo, Descartes, Alexandre Fleming e Julio Verne. No Brasil a Elsevier tem uma equipe de produção editorial qualificada dedicada à produção de periódicos científicos (journals) em português. Para desenvolver e publicar um periódico científico com a Elsevier entre em contato com periódicos@elsevier.com.br

 Leia na íntegra o artigo Massa Óssea e Composição Corporal em Estudantes Universitários publicado na Revista da Associação Médica Brasileira (RAMB).